sábado, 1 de novembro de 2008

LUTO

Quem são os andarilhos que agem em nossas vidas?
De onde eles vêm?
Pessoas entram em nossas vidas do nada,
Sem por que nem pra quê,
Mas vão ficando, vão sendo cada vez mais importantes
E quando a gente menos espera, eles já são indispensáveis para nós.
Mas tudo isso se transforma em cinzas, cinzas de lembranças,
É quando essas pessoas vão fazer parte das "estrelas" e depois disso tudo,
A gente percebe que todos nós, mesmo que não acreditemos sempre nos tornaremos estrelas de alguém.
A luta acaba a alegria acaba a vontade de viver também acaba, mas as lembranças não, elas seguem como as estrelas que um dia apagam, mas sempre tem outra brilhando na imensidão.



Autor: Igor Monteiro.
 
;