sábado, 28 de março de 2009

SER OU NÃO SER.

Ser ou não ser, eis a questão,
É muito clichê, mas não é boba não,
Quem nunca se perguntou a tal expressão?

Essa é a dúvida que mata e arremata,
O pai quer uma coisa. O jovem outra,
O pai quer medicina, mas o jovem a indisciplina.

Qual seria o mais certo.
Tão jovem e tão despreocupado?
Qual seria o mais errado.
Tão velho e já tão arrom...

A vida é feita de sinais,
Quando jovens, as exclamações,
Quando velhos, as interrogações.



Autor: Igor Monteiro.

2 comentários:

Bruno Scaloni disse...

Igor,o texto,assim como o seu blog,está maravilhoso. Muito sábio e palpável.De fácil entendimento e tals.
Adorei!
Abraços!
Continue escrevendo seus textos são bons!
;)

Basa Jr disse...

"Quando velhos, as interrogações."É meu caro, qto mais experientes temos mais dúvidas, dúvidas que representam um entendimento maior sobre a situação, enxergar mais possibilidades...
sábias palavras! passa o fulgor da voracidade e fica a ternura da paciência!

 
;