sábado, 11 de abril de 2009

Desabafo ao espelho

Oi, estou aqui, você também, permita-me ser teu espelho esta noite, cantar em mim o teu encanto, tua estranheza o teu espanto, como quem sabe no fundo, que não há distâncias nesse mundo, pois somos uma só alma, livres, mas não possuímos as pessoas, temos apenas amor por elas e nada mais, é preciso ter coragem pra ser o que somos, é preciso recomeçar no caminho que vai pra dentro vencendo o medo imaginado, se sentir seguro no inesperado, confiar no invisível, desprezando o perecível, na busca de si mesmo, ser o capitão da nossa nau e no mais terrível vendaval mergulhar bem fundo, pra encontrar o nosso ser real e rir, porque tudo é uma grande brincadeira, cada drama é só o nosso modo de ver, pois na verdade a vida vai nos mostrando o que nós mesmos vamos criando com o nosso poder de crer. Tudo passa, nada fica de verdade, a não ser você, como você mesmo vai ficar pela eternidade, eu apesar de tudo, sou apenas eu mesmo, e ser eu mesmo já é trabalho suficiente pra eu tentar mudar, e eu estou mudando e mudado quero ficar.





Obs: Este texto foi uma adaptação feita pelo meu pai, Ivan Euclides da Silva, nem eu sabia que ele escrevia, quando achei o texto, não tinha data nem título, apenas a hora em que ele escreveu que foi exatamente as 20:46, creio que ele foi feito no ano de 1997. O título foi eu que dei, gostei do escrito, tem coisas que me chamaram atenção e o modo como as palavras são ditas também me despertou algo, quiz expor pra vocês, espero que gostem. Sei também que foi feito com ênfase de uma música do Fábio Júnior, na realidade é a interpretação da música e algumas partes da música estão no texto.

Link do orkut dele: http://www.orkut.com.br/Main#Profile.aspx?uid=6930283672280274930

8 comentários:

Moça do Fio disse...

Muitas vezes já desejei ser o espelho/reflexo de alguém. Tsc. Impossível.

Hoje, tento me satisfazer com a possibilidade de ver refletida em mim, algumas atitudes que admiro na outra pessoa.

Beijo.

PS: Parabéns a teu pai.

Fernando Leroy disse...

Belas palavras. Tive a grata surpresa de conhecer seu blog. Estou acompanhando agora. Abraço!

José Minervino Neto disse...

O Ivan, além de guerreiro, é um literato. Uma alma indelével!

' Josi Keller disse...

Oii
rsrs, poxa, quanta honra rsrs
Brigada mesmo, significa muito pra mim viu ?
Esperooo hein ram..
rsrss
Beijaoo

.

' Josi Keller disse...

Oii
Brigada por me seguir la, importa muito pra mim, valeu mesmo
Beijaoo
Espero tu la viu ? Sempreee
rsrs

.

Drê disse...

Adorei o texto :D
vou seguir! Passa lá no meu!
Beijos

willa Albuquerque disse...

O espelho parace ser a
melhor coisa para ver o nosso eu(total).
Principalmente para as mulheres! :}


Beijos!^^

ps. To te seguindo! :D

Loly disse...

Meu querido, seu pai escreve tão bem quanto você!
É de família!
=*

 
;