sábado, 13 de setembro de 2008

Meio que...

Andar meio paripassu
Pensar meio alienado
Agir meio desastrado
Ficar meio alucinado
Fazer meio que errado
Tentar mesmo que desista
Beijar-te mesmo que não queiras
Fingir mesmo que não sintas.



Autor: Igor Monteiro.

3 comentários:

Sara Albuquerque disse...

Meio-termo. Talvez, certo. Talvez, impróprio.

"Fingir mesmo que não sintas." Acho que não é a melhor forma de alcançar felicidade, a não ser que se queira uma 'meio que' felicidade.

Só talvez.

=) Abraços, Igor.

Dallas Diego disse...

hum...

Nao fingi, sonhei. Quando acordei foi meio doloroso, era melhor ter fingido...

É como a Sara falou, você nao pode ser meio feliz!

Flws!

lara disse...

Nossa. Adorei esse texto. As veses me sinto assim meio que alguma coisa. Depois passa lá no meu blog: http://pintandoasunhas.zip.net/
beijos Igor.

 
;